Mês: julho 2017

“Amigos Fortes de Deus”

Resultado de imagem para Santa Teresa de Jesus amigos fortes de deus

 

Neste 20 de julho, onde comemoramos O Dia do Amigo, sugiro uma pequena reflexão:

 “O mundo está a arder; querem voltar a condenar Cristo, querem fazer desabar a Igreja”. Não nos resulta familiar, na conjuntura atual, uma reflexão tão luminosa e interpeladora, proposta há mais de quatro séculos pela Santa Mística de Ávila?

( Papa Bento X aniversário VI ao Bispo de Ávila, por ocasião do 450º aniversário da fundação do Mosteiro São José de Ávila- 2012)

 

Os Carmelitas Seculares são cristãos conscientes da sua vocação e do seu papel na Igreja, vivendo na doação a Deus e aos outros, como verdadeiros “Filhos da Igreja”, servindo-a, cada um, de acordo com os seus dons e talentos.

A vocação do Carmelita Descalço Secular, é a mesma vocação dos frades e das monjas: uma vocação contemplativa e apostólica, como o desejou Santa Teresa de Jesus, nossa mãe fundadora.

Mais do que “fazer”, os carmelitas são chamados a “ser” «amigos fortes de Deus» e, a partir da sua experiência de intimidade com Deus, procurar testemunhar, esta mesma experiência com os irmãos, no ambiente em que vive. Isto pressupõe uma conversão contínua, fortalecidos da Palavra de Deus, para que oração e vida não sejam opostas, mas convergentes.

O mundo “continua a arder”, necessitamos mais que nunca, sermos Amigos Fortes de Deus, para cumprirmos esta nossa missão.

“São necessários amigos fortes de Deus para sustentar os fracos” (Livro da Vida, 15, 5)

STJ

¡Oh hermosura que excedéis!
¡Oh hermosura que excedéis
a todas las hermosuras!
Sin herir dolor hacéis,
y sin dolor deshacéis,
el amor de las criaturas.
Oh ñudo que así juntáis
dos cosas tan desiguales,
no sé por qué os desatáis,
Pues atado fuerza dais
a tener por bien los males.
Juntáis quien no tiene ser
con el Ser que no se acaba;
sin acabar acabáis,
sin tener que amar amáis,
engrandecéis nuestra nada.

Santa Teresa de Jesus

 

Curiosidades:

20 de julho – O Dia do Amigo

Dia do Amigo é uma data proposta para celebrar a amizade entre as pessoas. No Brasil, Uruguai, Argentina e Moçambique a data mais difundida para esta celebração é  20 de julho, aniversário da chegada do homem à lua. Em 27 de abril  de 2011, a Assembléia Geral das Nações Unidas resolveu convidar todos os países membros a celebrarem o Dia Internacional da Amizade em 30 de julho.

Na Argentina, a data foi criada pelo médico argentino  Enrique Ernesto Febbraro. Com a chegada do homem à lua, em 20 de julho de 1969, ele enviou cerca de quatro mil cartas para diversos países e idiomas com o intuito de instituir o Dia do Amigo. Febbraro considerava a chegada do homem a lua “um feito que demonstra que se o homem se unir com seus semelhantes, não há objetivos impossíveis”.

SANTO ELIAS, PROFETA E PAI DOS CARMELITAS

Santo Elias carmen06.jpg

Gládio e Fogo

Seu nome, que significa “o Senhor é meu Deus”, aparece de forma abrupta na História do Reino de Israel, e já com um brilho prodigioso: “Suas palavras queimavam como uma rocha ardente. Elias, o profeta, levantou- se logo como um fogo” (Ecle 48, 1-10).

Sabe-se que ele nasceu em torno do ano 900 a.C. em Tesba de Galaad, junto à fronteira do país dos amonitas (atual Jordânia). “Quando Elias estava para nascer, seu pai Sabacha viu-o saudado por alvos anjos, envolvido por faixas de fogo e alimentado com chamas. Tendo ido a Jerusalém, relatou [no templo] a visão, e o oráculo lhe disse que não temesse, pois aquele que ia nascer habitaria na luz, suas palavras seriam sentença segura e julgaria Israel com gládio e fogo” (Doroteu, Sto. Epifânio e Metafrates, apud Cornelio a Lápide, Comentários ao Livro 1º dos Reis, cap. 17).

Sua vida foi repleta de aspectos extraordinários. Numerosos autores lhe atribuem a virgindade perpétua, embora essa virtude fosse rara em seu tempo. O famoso exegeta Cornélio a Lápide lhe confere, logo no início de seus comentários, a santidade, austeridade e inocência de vida. Mostra, depois, como o profeta se tornou fundador da vida monástica e eremítica, ao retirar-se para o Monte Carmelo, onde se dedicou à contemplação, reunindo Eliseu e vários discípulos.

A nuvenzinha e a Mãe de Deus

Entre Elias, sua missão e os lugares onde viveu existe uma bela harmonia, muito bem ressaltada pelo autor do Livro dos Reis. E um dos méritos do escritor inspirado é o de fazer sentir esse acordo profundo. Carit evoca o espírito eremítico de Elias; o Horeb, sua intimidade com Deus; Sarepta, seu espírito de obediência ao Senhor e sua prudência.

O Carmelo, a montanha da renovação da Aliança de Deus com seu povo, recorda seu zelo pela glória do Altíssimo e sua fé inquebrantável. Carmelo é um nome derivado do hebraico Karem, que significa jardim ou pomar e vinha do Senhor. Era o local apropriado para Elias rogar fervorosamente a Deus pela chuva. Logo após o confronto com os 450 “profetas” de Baal, Elias subiu ao cimo desse monte e orou a Deus. Por sete vezes mandou seu servo olhar para as bandas do mar, para verificar se havia sinal de chuva. “Na sétima vez o servo respondeu: ‘Eis que sobe do mar uma pequena nuvem, do tamanho da palma da mão’ (…) Num instante, o céu se cobriu de nuvens negras, soprou o vento e a chuva caiu torrencialmente” (1Reis 18, 42-45).

Deus ouvira novamente o santo profeta: “A oração fervorosa do justo tem grande poder” (Catecismo da Igreja Católica, nº 2582).

Segundo uma longa tradição na Igreja, aquela “nuvenzinha”, prenunciadora da chuva, prefigurava a Santíssima Virgem. No Novo Testamento, Ela faria “chover sobre a humanidade” o Redentor, e, depois, as graças obtidas por sua intercessão. O profeta Elias é considerado seu primeiro devoto.

 Solenidade de Santo Elias

20 de julho:

SOLENIDADE DE SANTO ELIAS PROFETA, PAI E INSPIRADOR DA ORDEM CARMELITA.

ORAÇÃO PARA TODOS OS DIAS
Deus Todo-Poderoso e eterno, que concedeste a teu profeta Elias, nosso Pai, viver em tua presença e arder pelo zelo de tua glória, concede-nos buscar sempre teu rosto e ser no mundo testemunhas de teu amor. Amém.

MEDITAÇÃO:
Elias, o homem da reconstrução da vida comunitária.
Elias reconstruiu o altar com doze pedras, símbolo da reconstrução das doze tribos (1R 18,30-32). A organização em tribos representava a nova maneira fraterna de conviver, diferente do jeito de viver no sistema do Faraó. É aqui também que se situa o centro da esperança do povo pelo retorno do Profeta Elias. Tanto o Antigo Testamento como o Novo Testamento, ambos eles esperam que Elias volte para “reconduzir o coração dos pais para os filhos e o coração dos filhos para os pais” (Ml 3,23-24; Eclo 48,10; Lc 1,17). A preocupação com a reconstrução da Vida Comunitária é o outro lado do desejo de contemplar e revelar o rosto de Deus como Javé. O que caracteriza a experiência de Deus na história do povo hebreu é a igualdade dos dois mandamentos: amar a Deus e amar ao próximo (Lc 10,27; Mt 7,12). Deus se revela como Pai, o Deus de todos. A expressão humana desta fé em Deus como Pai é a organização da vida em comunidade. Uma comunidade dividida é a negação desta fé. Ela esconde o rosto de Deus.

Elias, o homem do fogo do Espírito
“O profeta Elias surgiu como um fogo, sua palavra queimava como uma tocha” (Eclo 48,1). “Por três vezes fez descer o fogo do céu” (Eclo 48,3).
No fim da sua vida ele foi “arrebatado num turbilhão de fogo, num carro puxado por cavalos de fogo” (Eclo 48,9).
O fogo é expressão da ação do Espírito (cf At 2,3-4). Elias passou a ser conhecido como o homem disponível para Deus que já não se pertencia. Deus podia dispor dele e arrebatá-lo como e quando quisesse (1Rs 18,12; 2Rs 2,3.5).
O próprio Deus passou a ser conhecido como o “Deus de Elias” (2Rs 2,14). Eliseu pediu: “Que me seja dada uma dupla porção do teu Espírito” (2Rs 2,9). O Espírito de Elias repousou sobre Eliseu, seu sucessor (2Rs 2,15). Os discípulos o reconheceram quando Eliseu, usando a capa de Elias, separou as águas do rio Jordão (2Rs 2,14). Elias, o homem do fogo do Espírito! A Regra do Carmo une Palavra e Espírito quando diz: “Que a espada do Espírito, que é a Palavra de Deus, habite abundantemente em sua boca e em seu coração, e tudo que vocês tiverem de fazer, seja feito na Palavra do Senhor” (Rc 19). Ela deseja para nós a “bênção do Espírito Santo” (Rc 1). Que o povo possa dizer de nós: “O espírito de Elias repousa sobre eles” (cf. 2Rs 2,15)

LADAINHA IV
Senhor tende piedade de nós,
Jesus Cristo tende piedade de nós,
Senhor tende piedade de nós,

Deus Pai do Céu tende piedade de nós
Deus Filho Redentor do mundo tende piedade de nós
Deus Espírito Santo tende piedade de nós
Santíssima Trindade que sois um só Deus tende piedade de nós

Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós
Santa Maria, Mãe dos Carmelitas,
Santa Maria, Rainha dos profetas,
Santa Maria, honra e esplendor do Monte Carmelo,
São José, Patrono do Carmelo,

Santo Elias, Patriarca do Carmelo,
S. Elias, arauto da onipotência e da misericórdia divinas,
S. Elias, modelo dos monges,
S. Elias, honrado com a divina amizade,
S. Elias, homem de Deus,
S. Elias, pai e mestre dos profetas,
S. Elias, ponte entre as duas Alianças,
S. Elias, cuja missão foi continuada na palavra de João Batista,
S. Elias, que aparecestes com Moisés na Transfiguração no Monte Tabor,
S. Elias, conversastes com o Filho de Deus sobre a sua Páscoa,
S. Elias, que atestais o cumprimento da Lei e dos Profetas,
S. Elias, cuja tenda está no Céu,
S. Elias, profeta e testemunha da nova Aliança,
S. Elias, invocado por Jesus crucificado em sua agonia,
S. Elias, padroeiro dos órfãos e das viúvas,
S. Elias, patrono dos agonizantes,
S. Elias, punidor o pecado,
S. Elias, destruidor dos orgulhosos,
S. Elias, que ouvis o gemido dos sofredores,
S. Elias, que preservais intactos os ditos do Senhor,
S. Elias, que preparais o mundo para o juízo,
S. Elias, que purificais os corações com o fogo,
S. Elias, modelo de oração perseverante,
S. Elias, precursor do Messias,
S. Elias, que empurrais os tiranos à ruína,
S. Elias, sumo sacerdote e libertador,
S. Elias, guarda da pureza da lei de Moisés,
S. Elias, destruidor dos ídolos e demônios,
S. Elias, espelho da vida monástica,
S. Elias, fundador de uma nação Santa,
S. Elias, mestre dos Santos,
S. Elias, lutador contra o Anticristo,
S. Elias, indicado por s. Tiago como um exemplo de fé,
S. Elias, esperança do novo Israel,
S. Elias, esperança da Igreja a caminho,
S. Elias, estrela do coro dos profetas,
S. Elias, Pai e inspirador da Ordem do Carmo,

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, perdoai-nos Senhor
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, ouvi-nos Senhor
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende misericórdia de nós

V. Rogai por nós, santo Pai Elias.
R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Oremos: Deus eterno e todo-poderoso, que concedestes ao bem-aventurado Elias, vosso profeta e nosso pai, a graça de viver na vossa presença e de se inflamar de zelo pela vossa glória, fazei que, procurando sempre a vossa presença, nos tornemos testemunhas do vosso amor. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo. Amem.

A Província Nossa Senhora do Carmo festeja sua Padroeira

No mês de julho os  Carmelitas comemoram sua festa maior, 16 de julho, dia de Nossa Senhora do Carmo. Todas as comunidades OCDS participaram de novenas, missas e atividades desenvolvidas especialmente para comemorar esta data

Mostraremos aqui fotos de como as Comunidades OCDS da Província Nossa Senhora do Carmo, comemoraram esta grande data:

Caxias do Sul:

4e4ef376-b644-43e1-a8c2-cfc479c2dd7e
Primeiro dia do tríduo em preparação da Festa de Nossa Senhora do Carmo no Carmelo do Menino Jesus de Caxias do Sul

Campo Mourão:

 

Curitiba:

 

São Leopoldo:

 

Porto Alegre:

 

Rio Grande:

 

Festa do Carmo

13669787_1736969289911654_6205255937217279403_n

Durante estes  últimos nove dias, recebemos diariamente as mensagens enviadas pelo  nosso querido Frei Ivo, que nos orientaram na reflexão para a  novena realizada  à Nossa Senhora do Carmo. Hoje estamos em  festa , hoje é o dia dela! 16 de julho, dia de Nossa Senhora do Carmo!

Para comemorarmos este dia, vamos continuar com as palavras do Frei Ivo, escritas especialmente para este dia. E não nos esqueçamos que o Carmelo é todo de Maria e com Ela devemos caminhar!
16/07/2017
“LEVE MARIA PARA SUA CASA, PARA CELEBRAR A FESTA DE NOSSA MÃE DO CARMO. “
SÚPLICA À MÃE DO CARMO!
Ó querida Mãe do Carmo, nós te acolhemos em nossa Família!
Abre nossos caminhos para o Encontro.
Encontro com os irmãos e com Jesus.
Que nossa Família,
ó Mãe do Carmo,
Se sinta atraída e cativada por essa luz.
Que nossa Família,
ó Maria,
Se sinta apaixonada por Jesus!

Ó querida Mãe do Carmo,
Nós te acolhemos em nossa Família!
Limpa os caminhos de nossa Família.
De todo tipo de vícios e de maldades.
E faz com que a Família encontre,
Um jeito bonito, real e verdadeiro
De viver e transmitir felicidade!

Ó querida Mãe do Carmo,
Nós te acolhemos em nossa Família!
Que o teu Santo Escapulário,
Que com carinho a Família quer vestir,
Seja um sinal do “COLO” que nos dás,
E da linda força que nos transmites,
Para teu Filho sempre seguir!

Ó querida Mãe do Carmo,
Nós te acolhemos em nossa Família!
Faz que a Família se comprometa,
Com uma vida nova e transformada,
Vida bonita, comprometida e acolhedora,
De gente que se sente feliz por ser amada!

Ó querida Mãe do Carmo,
Nós teacolhemos em nossa Família!
Faz com que a Família viva o amor,
Que lute para diminuir tanta dor,
E que nossa Família,
do teu jeito, ó Maria,
Abrace e se deixe abraçar,
Por Jesus Cristo, o Redentor! Amém!

MARIA É MÃE!
UMA IGREJA SEM MARIA,
VIRA UM ORFANATO! ( Papa Francisco)

Ó querida Mãe, Maria do Carmelo, ajudai-nos a ser uma Igreja que, por causa da EUCARISTIA, viva sempre com PROXIMIDADE, ACOLHENDO-NOS MUTUAMENTE.
Que não tenhamos medo de nos ENCONTRAR, mesmo nas diferenças. Que cultivemos o PERDÃO que nos leva a ter COMPAIXÃO e a viver sempre com ESPERANÇA.
E, desta forma, sendo esta linda Igreja,
SEMPRE EM SAÍDA, vivamos uma PAZ de verdadeiros irmãos e irmãs que formam a FAMÍLIA DOS DISCÍPULOS-MISSIONÁRIOS DE JESUS CRISTO. Amém.

Nossa Senhora do Carmo, intercedei a Deus por todos nós. Amém!

Frei Ivo OCD

26d7e840-a730-4bf0-ad2a-53661588263d
Imagem de Nossa Senhora do Carmo, na Basílica do Monte Carmelo em Israel, onde reside o nosso irmão Frei Avelino Pértile.

 

 

 

Véspera da Festa de Nossa Senhora do Carmo!

campanha_escapulario

“SERENATA MARIANA”
Serenata é uma canção ou performance musical em honra a alguém, geralmente a uma donzela, com teor romântico.
Serenatas são tipicamente calmas, musicalmente leves, e abrangem trechos musicais de pequena duração, usualmente cantados, tocados à noite, de preferência debaixo de uma janela.
A palavra “serenata” provém da Língua italiana e deriva da palavra latina SERENUS.
NESTE 15 DE JULHO DE 2017,
encontre um tempinho e com muito carinho, ternura, amor e romantismo, cante para MARIA DONZELA, nossa MÃE DO CARMELO!
Cante, de coração, o amor que você tem por Ela.
Não cante debaixo da janela, não!
Já que você LEVOU MARIA PARA SUA FAMÍLIA, cante de dentro da casa e diante de Maria!
Cante a alegria de viver este 16 de julho de 2017, ANO MARIANO!
BOA SERENATA PARA VOCÊ!
Um grande abraço para você e, de coração,
UMA FELIZ FESTA DA MÃE DO CARMELO!

Frei Ivo OCD

Novena à Nossa Senhora do Carmo

NSC1

15/07/2017
Nono dia da Novena de Nossa Senhora do Carmo.
“LEVE MARIA PARA SUA CASA, PARA CELEBRAR UMA IGREJA QUE É PRÓXIMA.”

O Papa Francisco nos diz: ” Existem pastorais estruturadas com tal dose de distância, que são incapazes de atingir o ENCONTRO:
Encontro com Jesus Cristo e
Encontro com os irmãos. Este tipo de pastorais nunca levam a uma dimensão de pertença, de proximidade.
A proximidade cria comunhãp e pertença, tornando possível o ENCONTRO.”
Como é triste, uma Igreja que se mantem distante!
Como é triste, uma Igreja onde não somos iguais!
Como é triste, uma Igreja onde se abre espaço para a competição!
Como é triste, uma Igreja onde ainda se usa do poder para mandar e não para servir!
Como é triste, uma Igreja onde se olha para os outros de cima para baixo!

” Aprendi que um homem só tem o direito de olhar um outro, de cima para baixo, quando for para ajudá-lo a levantar-se.” (Gabriel G. Marques)
Ó querida Mãe do Carmo, acolhendo-vos em nossa família, fazei que consigamos entender o que o Papa Francisco nos pede quando nos diz para sermos uma Igreja que tenha proximidade e afirma: “Para mim é fundamental a proximidade da Igreja. Porque a Igreja é Mãe e, nem você e nem eu reconhecemos uma mãe por correspondência!
A mãe dá carinho, toca, beija, ama!
Quando a Igreja, ocupada com mil coisas, se descuida dessa proximidade, se descuida disso e só se comunica com documentos, é como uma mãe que se comunica com seu filho só por carta.” Amém!
E agora, concedei-me a graça que nesta novena vos peço (PEDIR A GRAÇA)
Pai nosso… Ave Maria… Glória ao Pai…
NOSSA SENHORA DO CARMO, VOS ACOLHEMOS EM NOSSA FAMÍLIA, PARA QUE NOS AJUDEIS A SERMOS PRÓXIMOS UNS DOS OUTROS DENTRO DE NOSSOS LARES.
É MUITO BOM TER TUDO O QUE FOR NECESSÁRIO DE MATERIAL DENTRO DE NOSSAS CASAS.
MAS, DE NADA ADIANTA TER UMA CASA CHEIA DE COISAS, SE NÓS PERMANECEMOS DISTANTES UNS DOS OUTROS, SEM VIVERMOS UMA COMUNICAÇÃO DE CORAÇÃO PARA CORAÇÃO! AMÉM!
Nossa Senhora do Carmo, rogai por nós. Amém!

Frei Ivo OCD

(Paróquia Santíssimo Sacramente, Igreja Santa Teresinha do Menino Jesus)

Novena à Nossa Senhora do Carmo

 

oracao-de-nossa-senhora-do-carmo

14/07/2017
Oitavo dia da Novena de Nossa Senhora do Carmo.
“LEVE MARIA PARA SUA CASA, PARA CELEBRAR A FESTA DO PERDÃO,”
“Quem não perdoa, não é cristão.” (Papa Francisco)

“Não existe família perfeita.
Não temos pais perfeitos.
Não nos casamos com uma pessoa perfeita. Nem temos filhos perfeitos.
Temos queixas uns dos outros.
Decepcionamos uns aos outros.
Por isso não há casamento saudável sem o exercício do perdão.
O perdão é vital para a nossa saúde emocional e sobrevivência espiritual.
Sem perdão a família se torna uma arena de conflitos e um reduto de mágoas.
Sem perdão a família adoece.
O perdão é a assepsia da alma, a faxina da mente e libertação do coração.
Quem não perdoa não tem paz na alma, nem comunhão com Deus.
A mágoa é um veneno que intoxica e mata. Guardar mágoa no coração é um gesto autodestrutivo.
Quem não perdoa, adoece física, emocional e espiritualmente.”(Papa Francisco)

Ó querida Mãe Maria, vos acolhendo em nossa casa, ajudai-nos a fazer de nossa família ” lugar de vida e não de morte; um território de cura e não de adoecimento;
um cenário de perdão e não de culpa.
Ajudai-nos a entender que, no lugar da mágoa que produz a tristeza, tenhamos o perdão que traz a alegria.
Ajudai-nos a entender que o perdão cura, onde a mágoa causou doença.
Ajudai-nos a celebrar o perdão, para sentirmos a presença da paz. Amém!
E agora, dai-me a graça que nesta novena vos peço (PEDIR A GRAÇA)
Pai nosso… Ave Maria… Glória ao Pai…

NOSSA SENHORA DO CARMO, NÓS VOS ACOLHEMOS EM NOSSA FAMÍLIA, PARA QUE COM VOSSA PRESENÇA, POSSAMOS FAZER ESTA MARAVILHOSA EXPERIÊNCIA DO PERDÃO.
E QUE, VIVENDO O PERDÃO, POSSAMOS NOS COMPREENDER SEMPRE MAIS, PARA SERMOS FELIZES, MESMO NO MEIO DE NOSSAS LIMITAÇÕES, FRAQUEZAS E PECADOS. AMÉM!
Nossa Senhora do Carmo, ajudai-nos a perdoar. Amem!

 

Frei Ivo OCD

(Paróquia Santíssimo Sacramento, Igreja Santa Teresinha do Menino Jesus)