Por Frei Patricio Sciadini, O.C.D (Abuna Batrik)

Não nasci com o ESCAPULÁRIO, somente lentamente eu o conheci, AMEI e hoje uso-o com AMOR, devoção e queria que todos aqueles que amam a Virgem MARIA, TODOS OS CRISTÃOS o usassem.

Deixando de lado TODAS as discussões históricas sobre a autenticidade da aparição da VIRGEM MARIA a São Simão Stock. Deixando de lado o “PRIVILEGIO SABATINO” de que quem MORRE com o ESCAPULÁRIO não se dana e no sábado próximo, depois da morte, vai ao PARAÍSO.

MESMO sem isso EU tenho milhões de motivos para usá-lo com AMOR, divulga-lo e desejar que todos o usem. O PARAÍSO NÃO se compra com o ESCAPULÁRIO que não é um bilhete para a eternidade, somos julgados não se usamos o ESCAPULÁRIO mas sobre as obras (Mt 25).

O ESCAPULÁRIO é sinal de AMOR ao AMOR da VIRGEM MARIA que nos doa JESUS e nos convida a fazer tudo aquilo que ELE disser. É empenho em VIVER as virtudes da VIRGEM MARIA, primeira discípula e missionária de JESUS, ser no mundo presença vida da ternura de DEUS PAI.

O ESCAPULÁRIO é um sinal eterno do nosso AMOR a VIRGEM MARIA, é sinal de uma vida de testemunho, de uma vida de ORAÇÃO, de MISSÃO.
O ESCAPULÁRIO é sinal de que se pertence a grande família CARMELITANA, a sua espiritualidade profética, MÍSTICA, ORANTE. Todos podem recebe-lo: religiosos, religiosas, leigos, sacerdotes, papas…São JOÃO PAULO II falava com AMOR do seu ESCAPULÁRIO.

USAR o ESCAPULÁRIO não EXIGE OBRAS e nem ORAÇÕES especiais somente empenhar-se em VIVER o EVANGELHO, AMAR MARIA, ser testemunha de JESUS. O ESCAPULÁRIO ajuda, dá força e recorda o empenho assumido. O ESCAPULÁRIO não é para colocar na carteira, nem amarrá-lo no carro ou um amuleto para dar sorte. É sinal que se leva no corpo e no CORAÇÃO.